Série – Aposentadoria Especial

Como falamos, a aposentadoria especial é destinado ao cidadão que trabalha exposto a agentes nocivos à saúde. O tempo de contribuição vai de 15 a 25 anos, dependendo do agente. Se o segurado exercer mais de uma atividade especial durante seu período contributivo, mas sem completar o período mínimo, ele pode somá-las. Caso as atividades exercidas sejam em áreas com tempo de contribuição mínimo diferente, é necessário converter. Por exemplo, se a pessoa trabalhou exposta a agente nocivo cujo o tempo de contribuição mínimo é de 25 anos e depois exposta a atividade cujo tempo é de 15 anos. Nesse caso, cada um ano da última atividade vale 1.33. Caso a soma dos períodos em atividade especial não sejam suficiente, é possível converter em período de atividade comum. O cálculo de conversão é diferente de mulher para homem e depende também do tipo de atividade especial que a pessoa exercia. O ideal é contratar um especialista para ajudar nessa conversão e no processo da aposentadoria.

A partir daí, com a conversão para aposentadoria comum, o cálculo é feito normalmente, com a aplicação do fator previdenciário.

Além do tempo de contribuição, é possível também se aposentar pela regra proporcional  85/95.

A maior vantagem dessa opção é que a aposentadoria é integral, sem a aplicação do fator previdenciário.

Exemplo: Um homem de 58 anos que trabalhou 10 anos em atividade especial (cujo tempo de contribuição era 25) e depois 23 anos em atividade comum. Ao convertei os 10 anos de atividade especial ele terá 14 anos de atividade comum. 58+23+14= 95. Sendo 95 o resultado da soma tempo de contribuição + idade necessário para a aposentadoria.
Tags :
Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você precisa planejar, revisar ou realizar cálculos periciais para aposentadoria?

Temos uma equipe de especialistas prontos para ajudar você.

Outras Notícias

Disponibilizamos gratuitamente para você as principais notícias sobre Direito Previdenciário. Veja alguns destaques:

Saiba mais sobre o Meu INSS

O Meu INSS é um portal digital destinado para os segurados. Nele é possível acessar várias informações relacionadas a benefícios do Instituto. Falamos semana passada,

Continue lendo »
×