Aposentados já podem consultar primeira parcela do 13º salário

Aposentados e pensionistas já podem consultar o valor da primeira parcela do 13º salário.

O dinheiro virá junto com a remuneração de agosto, que entra na conta dos segurados entre os dias 27 deste mês e 10 de setembro, conforme a Tabela de Pagamentos de Benefícios 2018. A consulta ao extrato pode ser feita pelo site Meu INSS, no item Histórico de Crédito do Benefício. É necessário cadastrar senha para o portal de serviços do instituto. Também é possível ter acesso ao extrato no banco de pagamento do benefício ou por meio da central telefônica 135. Como nos anos anteriores, quem ganha até um salário mínimo recebe primeiro o 13º. Eles receberão até os últimos cinco dias úteis do mês referente ao pagamento. Nos primeiros cinco dias úteis do mês seguinte, setembro, ocorre o depósito para quem recebe acima de um salário mínimo. Por lei, tem direito ao 13º quem, durante o ano, recebeu benefício previdenciário de aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão ou salário-maternidade. Aqueles que recebem benefícios assistenciais – Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social (BPC/LOAS) e Renda Mensal Vitalícia (RMV) – não têm direito ao 13º salário. Segundo o Inss, terão direito ao adiantamento cerca de 30 milhões de segurados em todo o Brasil. Somados, o valor total é de R$ 20,6 bilhões. Como determina a legislação, a primeira parcela paga a aposentados e pensionistas não tem desconto de Imposto de Renda.
Tags :
Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você precisa planejar, revisar ou realizar cálculos periciais para aposentadoria?

Temos uma equipe de especialistas prontos para ajudar você.

Outras Notícias

Disponibilizamos gratuitamente para você as principais notícias sobre Direito Previdenciário. Veja alguns destaques:

PREVICAL

Experiência de mais de 40 mil cálculos realizados. Está no nosso dia-a-dia a realização de cálculos para aposentadoria ou qualquer outro benefício do INSS, sempre

Continue lendo »
×